Algés 3º Campeonato Nacional Séniores/Sub20

Foi um fim de semana de jogos intensos e muita emoção, este que se viveu no Pavilhão Império Bonança e que opunha as 4 melhores equipas nacionais no escalão de Séniores/Sub20. Tal como se previa, o equilíbrio foi a nota dominante nesta emocionante Fase Final Nacional onde à partida, qualquer uma das 4 equipas se mostrava capaz de vencer qualquer adversário, pelo que se esperavam jogos bastantes equilibrados.

No primeiro dia da competição o equilibrio foi a nota dominante. No primeiro jogo da noite vitória(65x61) da equipa da Dragon Force sobre um Algés sempre muito combativo. Duas equipas que deram uma boa demonstração do que deve ser a agressividade defensiva discutiram o jogo até ao fim, sendo que a equipa do Dragon Force acabou por se valer da 'almofada' de 10 pontos conseguida no decorrer do último período. Destaque para as exibições de Diogo Ventura, base do Algés, com 24 pontos e 5 ressaltos, bem como de Eduardo Guimarães (carregou a equipa às costas no ataque om 18 pontos marcados) e Hugo Sotta (11 pontos, 11 ressaltos).

No segundo dia da competição assistiu-se a um primeiro jogo onde só no prolongamento se conheceu o vencedor. A equipa da Dragon Force com uma maior profundidade do plantel levou de vencida (92x85) uma equipa da Ovarense muito agerrida e determinada que acusou o cansaço e a exclusão por faltas do seu base Júlio Silva. Emanuel Sá foi o melhor dos derrotados com novo duplo-duplo (20 pontos e 12 ressaltos) bem secundado por Gonçalo Stringfellow (14 pontos e 10 ressaltos). Pedro Bastos (25 pontos, 4 ressaltos e 4 assistências), Hugo Sotta (16 pontos e 17 ressaltos) e o capitão Eduardo Guimarães (17 pontos, 11 ressaltos e 5 assistências) formaram o trio-chave da vitória portista.

No segundo jogo do dia verificou-se o resultado mais desnivelado da competição.Superioridade da equipa do SLBenfica que controlou e venceu o jogo(67x50) mas contou sempre com uma equipa do Algés muito agerrida e disposta a contrariar essa supeiroridade encarnada.

Diogo Ventura com 18 pontos marcados em 25 minutos de jogo, foi o melhor do Algés e à falta de Cândido Sá (Marco Rosa foi a opção do treinador encarnado para este jogo), foram, outra vez, Artur Castela (15 pontos, 10 ressaltos) e André Miguens (19 pontos, 5 ressaltos, 7 faltas sofridas) os melhores dos benfiquistas.

Para o terceiro e último dia da competição estavam guardadas a todas as emoções. No primeiro jogo do dia estava em disputa um lugar no pódio visto já nenhuma das equipas ter hipóteses de se sagrar campeã nacional, pelo que se assistiu a um espectáculo interessante e emocionante. Em mais um jogo de 'tu cá, tu lá' decidido apenas nos minutos finais a vitória(62x56) sorriu ao Algés.

No que aos atletas diz respeito, foram os 'suspeitos do costume' que voltaram a sobressair: Emanuel Sá na Ovarense com mais um duplo-duplo (15 pontos, 11 ressaltos) e Diogo Ventura no Algés (26 pontos, 4 assistências e 11 faltas provocadas), desta feita bem secundado por Luís Câmara (um sub18 que mostrou muito potencial nesta fase final), autor de 14 pontos e 8 ressaltos. O Algés conseguiu o último lugar do pódio e a Ovarense, que se pode queixar do seu baixo aproveitamento na hora de lançar ao cesto nos três jogos disputados, apesar de ter dificultado e muito a vida dos seus adversários terminou em 4º lugar. 

5 ideal 
Base - Pedro Bastos, Dragon Force
Base/Extremo - Diogo Ventura, Algés
Extremo - Emanuel Sá, Ovarense
Extremo-poste - Cândido Sá, Sport Lisboa Benfica
Poste - Hugo Sotta, Dragon Force

MVP: Emanuel Sá.

Classificação Final
1º Lugar - FCPorto - Dragon Force
2º Lugar - SLBenfica
3º Lugar - Algés
4º Lugar - Ovarense 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!