Proliga (11ª Jornada)

O factor casa foi decisivo no desfecho final dos jogos da 11ª jornada, onde à exceção do Algés (que venceu fora na Póvoa do Varzim) todas as restantes equipas locais venceram os seus jogos, e onde o equilíbrio foi a nota dominante em que a vitória mais "folgada" foi de 12 pontos.

Na próxima jornada, marca o inicio da 2ª volta, onde tudo pode acontecer. A nossa equipa desloca-se ao Barreiro para defrontar o Galitos, que nos 6 jogos efectuados em casa saíram 100% vitoriosos, por outro lado o Algés quererá repetir as vitórias na Taça António Pratas no Barreiro (70-66) e do jogo da 1ª volta em casa (82-56), será sem dúvida um bom jogo em perspectiva.

Nos restantes jogos, o AngraBasket irá querer aumentar a sua série de vitórias, mas a tarefa não será fácil, pois defronta o Illiabum, o Física que também atravessa um bom momento de resultados (3 vitórias seguidas) desloca-se ao Alentejo para defrontar o Eléctrico, este jogo poderá aproximar as duas equipas em caso de vitória dos Alentejanos ou afastá-las, em caso de vitória dos Torreenses.

A Norte, a Oliveirense e Póvoa irão quebrar a sua série negativa de derrotas (6 para a Oliveirense e 3 da Póvoa), no entanto pelos resultados verificados do CD Póvoa, é um adversário bastante competitivo em casa, e o mesmo se passará no confronto Guifões e Sangalhos, em que uma das equipas irá quebrar a série de derrotas, e a outra irá ver aumentada essa série.

Por último, o Maia que vem de duas vitórias seguidas, poderá aproveitar o jogo contra o Gaeirense para subir na classificação, mas esta equipa de Óbidos já mostrou que pode vencer jogos onde não é favorita.




Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!