Algés vence Olivais

Meia-final decidida na negra
A equipa do Algés reagiu bem à pressão de estar em desvantagem na meia-final da LFB, ao vencer este sábado a equipa do Olivais, por 74-64. Com este triunfo, as algesinas empataram a série a 1, pelo que só na negra se decidirá quem irá ser um dos finalistas dos playoffs desta temporada. As duas equipas voltam a encontrar-se este domingo, novamente no Pavilhão Gomes Pereira, pelas 18 horas, com a formação da casa a defender o seu título, e o Olivais a tentar repetir a história da ronda anterior.
Haviam passado cinco minutos desde a bola ao ar e o Olivais ainda não tinha sido capaz de pontuar, e já o Algés tinha uma vantagem de 9 pontos. O primeiro período foi muito mau para a equipa de Coimbra, já que não esteve bem ofensivamente, mas sobretudo porque o seu desempenho defensivo não foi nada positivo (24-6). Recompôs-se no segundo quarto, mas vantagem construída pelas algesinas não desapareceu, razão pela qual vencia em tempo de intervalo por vinte pontos (47-27). 

AlgesxOlivais
Era óbvio que as pupilas de Paulo Silva estavam obrigadas a correr atrás do prejuízo no segundo tempo, se bem que a tarefa que tinham pela frente não parecia nada fácil. E mais complicada se tornaria quando se atingiu o final do 3º período, e as duas equipas continuavam separadas por dezoito pontos (59-41). O tempo jogava a favor das atuais campeãs nacionais, que no último quarto geriram a confortável vantagem amealhada, já com o pensamento no decisivo jogo deste domingo. 
A norte-americana Laura Broomfield, ao contabilizar 22 pontos e 21 ressaltos, foi naturalmente decisiva no desempenho da equipa do Algés nos dois lados do campo. Jessica Almeida e Kathryn Gearlds, ambas com 13 pontos, foram igualmente importantes no triunfo das algesinas. 

Dalila Eshe (11 ressaltos) com 18 pontos, e Ana Fonseca com 16 pontos, foram as melhores marcadoras do Olivais, numa partida em que a equipa de Coimbra esteve desastrada a lançar ao cesto. 






Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!