«Vitória dá-nos vantagem direta»
Joana Bernardeco antevê duelo em Carcavelos


Carcavelos vai ser irá ser o palco do jogo grande da última jornada da 1ª volta da Liga Feminina. Frente a frente, pelas 15 horas, irão estar a equipa da casa, Quinta dos Lombos, e as atuais campeãs nacionais, o Algés. Um confronto entre duas formações que lutam pela liderança do campeonato, mas que na opinião da base algesina Joana Bernardeco, sofreram muitas mudanças no grupo de trabalho. O novo reforço do Algés, que terá neste jogo a sua irmã como adversária, espera vencer o derby e, se a isso puder juntar uma boa exibição, melhor ainda.


Depois do desaire em Lousada, a equipa do Algés procura regressar às vitórias, diante de um adversário que já não perde desde a jornada inaugural do campeonato. “Este sábado antevejo um jogo muito disputado entre duas equipas que são adversárias diretas, como se verifica pela classificação.”

Joana_BernardecoUm bom jogo em perspetiva, entre duas equipas que mexeram muito na constituição dos seus plantéis, pelo que naturalmente as duas formas de jogar sofreram naturais ajustes às caraterísticas das novas atletas. “São equipas equilibradas, apesar de terem estilos de jogo muito diferentes. Em comum têm o facto de se terem reforçado para esta época, apresentando argumentos diferentes relativamente ao ano anterior. Acho que vai ser um jogo muito "físico", "rápido" e espero que não se cometam muitos erros (por parte de ambas as equipas), de modo a que seja um competitivo e mais agradável de ver (e de jogar).”

Neste momento a formação de Carcavelos é a única equipa da prova com apenas uma derrota, pelo que um triunfo do Algés colocaria-a numa situação de vantagem na tabela classificativa. “Como se trata do jogo da última jornada da primeira volta e, sobretudo, por ser um "derby", espero também que haja muito público. De qualquer forma, mais importante que o espetáculo é a vitória, que nos dará vantagem direta.”

Joana irá ter como adversária a sua irmã Filipa, até porque ocupam a mesma posição dentro de campo. “Relativamente ao facto de jogar contra a minha irmã: não é a primeira vez e não será a última. Não mudará nada na minha preparação para o jogo, para além de irmos juntas para o pavilhão vestidas com cores diferentes. Como diz o anúncio da NBA, apesar de termos partilhado o quarto, durante o jogo, irmãs são aquelas que vestem as mesmas camisolas que nós.”













Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!

O Algés na Escola Básica João Gonçalves Zarco