Primeira vitória do CAB
Último quarto ditou derrota do Algés

Na Madeira, o CAB teve de sofrer muito para levar de vencida a equipa do Algés (73-69), e assim se estrear a vencer esta temporada no campeonato. Os madeirenses viram-se obrigados a dar a volta ao resultado no derradeiro quarto, já que os algesinos, graças a um excelente 3º período, entraram a vencer nos últimos 10 minutos do jogo.

O jogo do CAB ante o Algés começou da melhor forma com ambas as equipas a apresentarem-se com cinco iniciais compostos unicamente por jogadores portugueses. No entanto, a alegria para os madeirenses durou apenas 32 segundos, já que Jaime Silva se lesionou e teve de abandonar o encontro. Com Jaime Silva de fora e já sem contar com Jason Smith e José Costa, o CAB precisava de bases e de jogadores que cumprissem com essa função. 
O primeiro período foi dominado pelos insulares (21-13), fruto da sua agressividade defensiva e de boas seleções de lançamento do ataque. 
Porém, no segundo quarto, o equilíbrio entre as duas formações estabeleceu-se, com o CAB a cometer demasiados erros que permitiram a aproximação da equipa de Lisboa. O intervalo chegou com o resultado de 43-39, favorável ainda ao CAB. 
No inicio da etapa complementar, o Algés impôs-se claramente ao seu adversário (22-12), anulando não só a desvantagem trazida da primeira parte, como também construindo uma almofada pontual que permitia abordar o derradeiro quarto com algum otimismo (60-55). 
O início dos últimos dez minutos foi a altura do tudo ou nada para os madeirenses, já que o final do jogo estava cada vez mais próximo. Com contribuições espetaculares de Jorge Freitas, melhor marcador do encontro com 20 pontos, Jorge Coelho (19 pontos e 6 ressaltos), MVP da partida), Shawn Jackson, marcou três triplos decisivos no ultimo período, o CAB inverteu o resultado e celebrou a sua primeira vitória (73-69) na prova. 
O base António Pires (20 pontos, 5 ressaltos, 5 assistências e 3 roubos de bola) foi o elemento que mais se destacou na equipa de Algés, se bem que Rui Quintino tenha estado igualmente a bom nível, ao registar um duplo-duplo (11 pontos e 10 ressaltos). 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!

O Algés na Escola Básica João Gonçalves Zarco