«Queremos este título»
João Manuel não esconde desejo do Algés
O Algés está a uma vitória de se sagrar campeão da Proliga e, depois de ter ganho os dois primeiros encontros da final do playoff no seu recinto, desloca-se no próximo sábado, às 15.30 h horas, a Torres Vedras, para defrontar a Física no jogo 3 da eliminatória. O jogador lembra que a Física ainda não perdeu qualquer jogo em casa neste playoff, mas não esconde o otimismo reinante no balneário da formação de Algés, elogiando a estrutura do clube lisboeta.
João ManuelCom a subida garantida o título de campeão da Proliga torna-se secundário? 

Para o clube, e em termos de projeção da "marca" Algés, a subida foi uma conquista muito importante. Em termos pessoais, o meu único grande objetivo passa por ser campeão da Proliga, até porque alcançando esse objetivo estão cumpridos todos os outros. Todos queremos este título.
E a possibilidade de voltar a jogar na Liga provoca-lhe algum tipo de sentimento? 
É um prazer ter ganho o direito de poder jogar contra os melhores jogadores portugueses. No entanto, a época ainda não terminou e o meu foco está em exclusivo na Proliga e no jogo do próximo sábado.
Os jogos em casa continuam a ser decisivos para vencerem todas as rondas do playoff? 
Creio que sim. As meias-finais que disputámos contra a Oliveirense são prova disso mesmo. A Física ainda não perdeu qualquer jogo do playoff em casa e para quebrar a tendência, temos que dar o máximo durante os 40 minutos.
Se lhe pedisse para apontar os aspetos que fizeram do Algés a equipa dominadora do campeonato da Proliga desta temporada, quais escolheria? 
Na minha opinião, temos um plantel com qualidade, um treinador muito experiente e que teve a capacidade de gerir o grupo de uma forma muito inteligente e eficaz. Houve um esforço, por parte de todos e especialmente daqueles que jogaram menos, para que cada dia o treino tivesse qualidade e pudéssemos evoluir individualmente e como equipa. Por último, e para mim fundamental, um grupo de pessoas que apesar de apoiar um grupo amador, criou as condições físicas e humanas para atingirmos o sucesso, fazendo inveja a muitas estruturas profissionais.
Quanto ao que ainda falta disputar nesta final, o extremo algesino alerta para o facto de o adversário ainda não perdeu em casa durante os playoffs. “Falta-nos uma vitória para conquistarmos aquilo com que sonhamos desde o início da época. Para isso vamos ter de levar de vencida uma excelente equipa, que mostrou em Algés que vai lutar até ao último minuto para conquistar a vitória. Esta época, a Física somou por vitórias os jogos disputados no seu pavilhão durante o playoff e vai querer manter esse registo. Se formos consistentes defensivamente e soubermos partilhar a bola no ataque, como fizemos durante a primeira parte do jogo 2, acredito que podemos ganhar o jogo e sagrarmo-nos campeões já no próximo sábado.”





Comentários

Mensagens populares deste blogue

Mini-Basket está de volta!